19
DOM
20
SEG
21
TER
22
QUA
26
DOM
27
SEG
28
TER
29
QUA
3
SEG
4
TER
5
QUA
6
QUI
7
SEX
8
SAB
9
DOM
10
SEG
11
TER
12
QUA
13
QUI
14
SEX
15
SAB

À conquista de Camden: Antevisão Desertfest London 2018

18 de Abril, 2018 ArtigosWav

Partilhar no Facebook Partilhar no Google+ Partilhar no Twitter Partilhar no Tumblr

Madrid, Jamón & Rock 'n' Roll - Antevisão Kristonfest 2018

Uma viagem entre as eternas muralhas - Antevisão SWR Barroselas Metalfest XXI
No início do próximo mês de maio, a caravana Desertfest chega mais uma vez à histórica zona de Camden, em Londres. Nesse que é um habitat natural do Rock na capital britânica, salas míticas como o The Black Heart, The Underworld, Electic Ballroom, The Devonshire Arms, The Koko e o Roundhouse irão dar palco às melhores propostas do campo Stoner, Doom e Sludge. A pouco mais de duas semanas do início do festival, urge então dissecar um pouco o cartaz.

A grande novidade da edição de este ano, para os portugueses, é a presença de duas bandas nacionais no cartaz. Logo no primeiro dia, os The Black Wizards têm uma atuação marcada para o Underworld, integrados num alinhamento que promete um verdadeiro vendaval psicadélico: a banda de Famalicão abrirá caminho a nomes como Black Moth, Freedom Hawk, Radio Moscow e Jex Tooth. A sexta-feira está também marcada com o regresso do festival ao Teatro Koko, palco que receberá o grande nome do dia, Graveyard, mas também os The Obsessed, numa das raras aparições da banda de Scott "Wino" Weinrich na Europa. Como habitual, o The Black Heart no primeiro dia fica ao cuidado da revista The Quietus, sempre com as propostas mais fora da caixa, destacando-se este ano nomes como White Hills ou Ghold. Como se tudo isto não fosse suficiente, o Electric Ballroom ficará com as sonoridades mais extremas, onde se destacam os grinders Napalm Death, os Eyehategod de regresso às digressões, após um período complicado, ou ainda a escuridão do doom dos Warning.

Os Miss Lava têm a atuação agendada para o sábado 5 de maio, perfilando como figura maior do dia no alinhamento The Black Heart, mítico bar londrino considerado como o verdadeiro coração do Desertfest e da "desertscene" britânica. A banda lisboeta sobe a palco após o concerto dos High on Fire, cabeças de cartaz do dia com atuação no Electric Ballroom que estará transformado num verdadeiro pântano sonoro. Para além da banda de Matt Pike, por lá passarão consagrados do doom e sludge como Weedeater, Church of Misery ou Sourvein.

No último dia de festival, o palco principal será mais uma vez no The Roundhouse, sala que na edição anterior recebeu os Sleep. Neste espaço poderá observar-se uma verdadeira constelação de estrelas: Os Monster Magnet, a apresentar o seu recente disco Mindfucker, o regresso ao ativo dos Nebula, a viagem sideral dos Hawkwind ou ainda a progressividade de Elder, catapultados pelo buldozer Monolord. Em alternativa, o The Underworld terá um set exclusivo de Weedeater ou propostas como Primitive Man ou Suma. No The Black Heart destaca-se ainda King Buffalo e no The Dev os Necromancers.

Haverá melhor desculpa para se visitar uma das mais belas capitais europeias? É aproveitar enquanto não tem que se tratar de vistos. Os bilhetes continuam à venda no site oficial do festival.

 

por
em Artigos

À conquista de Camden: Antevisão Desertfest London 2018
Queres receber novidades?
Comentários
http://www.MOTORdoctor.PT
Contactos
WAV | 2018
Facebook WAV Twitter WAV Youtube WAV Flickr WAV RSS WAV
Queres receber novidades?