17
TER
18
QUA
19
QUI
20
SEX
21
SAB
22
DOM
23
SEG
24
TER
25
QUA
26
QUI
27
SEX
28
SAB
29
DOM
30
SEG
1
TER
2
QUA
3
QUI
4
SEX
5
SAB
6
DOM
7
SEG
8
TER
9
QUA
10
QUI
11
SEX
12
SAB
13
DOM
14
SEG
15
TER
16
QUA
17
QUI

Jameson Urban Routes 2018 • Antevisão - Parte 2

25 de Outubro, 2018 ArtigosJoão "Mislow" Almeida

Partilhar no Facebook Partilhar no Google+ Partilhar no Twitter Partilhar no Tumblr

Sound Bay Fest 2018: Os 70 voltam a dar à costa

Jameson Urban Routes 2018 • Antevisão - Parte 1
Em bom português, retomemos à volta dos concertos. A Jameson Urban Routes terá caminhos desenhados com destino mais do que bem argumentados para receber os curiosos ouvintes da capital. Na parte I falámos um pouco acerca das quatro primeiras sessões que aguardam no MusicBox, hoje terminamos a previsão ao circuito com mais quatro sessões, em dois dias! Parece de malucos mas se a justiça for bem feita, parar é morrer.

Dia 26 de outubro, na quinta sessão, a JUR terá o aniversário da década de lançamento do EP “Viola Braguesa” do nosso B Fachada. Quem conhece o registo, saberá a importância de o invocar numa altura tão apropriada. Com pinceladas de cordas que mexem com a moldura do Portugal tradicional, este é um contributo que visa elevar o cerne nostálgico, da beleza que se encontra nas coisas pequenas. Seja pela forma de estar, o estilo de vida ou o tom coletivo das palavras faladas, este será certamente um momento para ser relembrado no futuro. A acompanhá-lo na festa, teremos Maria, do plantel da Cafetra Records. O seu indie pop corrosivo, sincero e in your face fará de melhor combinação com as vibes de B Fachada. Para quem quiser pernoitar à sexta-feira, e se houver quem precise de uma dose reforçada de dança, haverão nomes mais do que suficientes para os aficionados da música africana. Irmãos Makossa, Ata Kak e Celeste/Mariposa, na sexta-feira sessão, com clubbing de alto calibre.

Dia 27, um sábado, último dia de JUR com atitude punk até dizer chega. Os caldenses Palmers terão o privilégio de aquecer as hostes com o seu surf rock/garage punk incendiário. Abrasivo, enérgico e com rotação para causar estragado nas arcadas do Cais do Sodré. Somente uma preparação no entanto, pois os nórdicos que seguem são candidatos ao concerto da semana. Os dinamarqueses Iceage são o melhor exemplo de como o punk amadurece quando este é maleável, cru e emotivo. A discografia destes ilustra isso perfeitamente. Não bastando isso, estes chegam à capital com um novo álbum debaixo da alçada. “Beyondless”. Repleto de vibrações do uk rock mas com uma qualidade indie pop enérgica e solidificada. Não se deixem enganar pela produção pois o espírito a la Nick Cave e Velvet Underground mantém-se sólido e com pancada bem assente.

Fica o ponto final a bom alcance para quem tiver muito mais para dar. Noite de clubbing até às tantas da manhã com a oitava e última sessão da Jameson Urban Routes. Hip-Hop a preencher o peito dos mais fortes. DarkSunn, Brodinski e Mike El Nite com dK Set. Não adormeçam.

Cada sessão tem um preço de entrada, portanto é aconselhável consultar a tabela de preços para cada evento no site do Jameson Urban Routes. Bilhetes disponíveis em bol.pt e nos locais habituais.
por
em Artigos

Jameson Urban Routes 2018 • Antevisão - Parte 2
Queres receber novidades?
Comentários
http://www.MOTORdoctor.PT
Contactos
WAV | 2019
Facebook WAV Twitter WAV Youtube WAV Flickr WAV RSS WAV
Queres receber novidades?