13
QUA
14
QUI
15
SEX
16
SAB
17
DOM
18
SEG
19
TER
20
QUA
21
QUI
22
SEX
23
SAB
24
DOM
25
SEG
26
TER
27
QUA
28
QUI
29
SEX
30
SAB
1
DOM
2
SEG
3
TER
4
QUA
5
QUI
6
SEX
7
SAB
8
DOM
9
SEG
10
TER
11
QUA
12
QUI
13
SEX

Old Yellow Jack - Magnus

Review
Old Yellow Jack Magnus | 2015
Diogo Alexandre 02 de Fevereiro, 2015
Partilhar no Facebook Partilhar no Google+ Partilhar no Twitter Partilhar no Tumblr

Hanni El Khatib – Moonlight

California X - Nights In The Dark
De 2010 para a frente temos assistido a uma onda, ou melhor, um tsunami de bandas que querem trazer de volta o psicadelismo dos 60/70. Bandas revivalistas que pouco introduzem ao género em si, limitando-se a “chapar” o que já foi feito adicionando-lhe uma vertente mais pop (atual) e uma produção mais eficaz... obviamente que os tempos são outros e a tecnologia também. Escusado será referir os Tame Impala, Temples, Foxygen, Melody's Echo Chamber, Ducktails, Phosphorescent, Triptides, Unknown Mortal Orchestra, Pond, etc... como exemplos disso. (a lista é interminável)

Os Old Yellow Jack surgem, precisamente, no meio desta alienação psicadélica que se vive nos dias os hoje, atirando-se a um EP de estreia, Magnus, muito na onda dos anteriores ilustres referidos. Pouco há a dizer sobre este disco, a não ser que se trata de um bom disco. Sim, um bom disco. Porém algo escasso de índole criativa. “Luanda” é o único tema que, realmente, se destaca no meio (precisamente no meio) destes cinco temas, e a única música merecedora de permanecer imortalizada num qualquer best of a ser editado após o término desta vaga psicadélica que se instalou no nosso país, e no mundo, como já foi referido.

Para além de “Luanda” e a, vagamente, experimental “I Found Oil”, os restantes temas não passam, apenas, de amostras decentes de neo-psychedelia made in Portugal. Os clichés estão lá todos: teclados ambientais, guitarras sobrecarregadas de efeitos, breaks a meio das músicas, baixo limpo mas pesado, fuzz... tudo a que se tem direito.

Após várias bandas nacionais se terem aventurado por caminhos revivalistas, e outras, inclusive, alterarem a sua sonoridade para pertencerem a este movimento, ouvir os Old Yellow Jack funciona como comer uma refeição requintada, mas requentada.
por
em Reviews

Old Yellow Jack - Magnus
Queres receber novidades?
Comentários
http://www.MOTORdoctor.PT
Contactos
WAV | 2019
Facebook WAV Twitter WAV Youtube WAV Flickr WAV RSS WAV
Queres receber novidades?