17
QUA
18
QUI
19
SEX
20
SAB
21
DOM
22
SEG
23
TER
24
QUA
25
QUI
26
SEX
27
SAB
28
DOM
29
SEG
30
TER
1
QUA
2
QUI
3
SEX
4
SAB
5
DOM
6
SEG
7
TER
8
QUA
9
QUI
10
SEX
11
SAB
12
DOM
13
SEG
14
TER
15
QUA
16
QUI
17
SEX

Indouro Fest 2015: O que esperar – Parte 4/6

02 de Abril, 2015 ArtigosLuís Sobrado

Partilhar no Facebook Partilhar no Google+ Partilhar no Twitter Partilhar no Tumblr

Indouro Fest 2015: O que esperar – Parte 5/6

Sound Bay Fest: O Psicadélico que dá à Costa.
clinic - Cópia

Analisada a primeira metade das bandas do cartaz do Indouro Fest 2015, não se pense que não há muito que explorar, ainda.

Uma das bandas de quem mais se espera para este festival é dos Clinic. Já cá andam há quase 20 anos e são um dos cabeças de cartaz do Indouro Fest. Mas há muito mais para descobrir.

- Clinic

Vindos da cidade dos Beatles, o que é por si só confere responsabilidade extra, os Clinic já lançam música desde 1997 e contam com três EP e sete LP. A caminho de um dia serem chamados de uma instituição do indie rock, preparam-se para vir a Portugal e assim sinalizar, enventualmente, um oitavo longa-duração.

Influenciados pelo post-punk de The Fall ou Wire, juntaram a essa veia depressiva a influência de duas bandas que, no início dos anos 90, ajudaram a fazer esquecer o já ultrapassado grunge: Pavement e Pixies. A sua sonoridade única, ainda assim, baseia-se muitas vezes nas influências do jazz e do kraut que, ultimamente, também foram exploradas pelos Ought, também eles com passagem marcada pela cidade do Porto.

O som do art punk moderno foi, em grande parte, moldado à custa dos Clinic. Está uma grande banda à nossa espera nas margens do rio Douro.





 

electric-litany

- Electric Litany

Os Electric Litany não apostam numa receita particularmente nova. As guitarras soam, muita das vezes, ao som do pós-rock tornado comum no indie mainstream por "culpa" de Mono ou Explosions In The Sky e a voz, por outro lado, soa a Ian Curtis. Onde já ouvimos isto?

É verdade, já o ouvimos várias vezes. Felizmente, os Electric Litany não fazem disso algo mau. As canções são bem construídas, normalmente em crescendo, e o grego emprestado a uma banda de ingleses, Alexandros Miaris, aplica a sua voz barítono de forma irrepreensível.

How To Be A Child & Win The War e Enduring Days You Will Overcome são os dois discos de uma banda que se espera afirmar como um dos grandes triunfos do Indouro Fest 2015.





 

- Lur Lur

Inspirados largamente pelo post-punk e pelo rock gótico (não são por acaso os vários covers de The Cure e Peter Murphy), os portugueses Lur Lur adoptaram uma pop minimalista e psicadélica como forma de honrar os seus heróis.

As influências são puro demais evidentes, o que, apesar de tudo, não significa que este projecto dos Lur Lur faça música realmente diferente. Normalmente a duas vozes, uma masculina e uma feminina, a banda tem nesse duo dinâmico uma das suas principais virtudes.





 

- Scorton Silver Arrow

Mais uns dos representantes portugueses do cartaz do Indouro Fest 2015 são os Scorton Silver Arrow, saídos da nova escola do pós-rock que tem assolado os palcos nacionais.

Claramente influenciados por Explosions In The Sky e God Is An Astronaut, conseguem acrescentar algo de diferente nos crescendos, particularmente ao acrescentarem uma vibe de stoner rock às partes mais apoteóticas das suas longas composições.

por
em Artigos


Indouro Fest 2015: O que esperar – Parte 4/6
Queres receber novidades?
Comentários
Contactos
WAV | 2024
Facebook WAV Twitter WAV Youtube WAV Flickr WAV RSS WAV
SSL
Wildcard SSL Certificates
Queres receber novidades?